Tudo sobre música, leitura e opinião de qualidade
Translate blog
Fãs do Facebook

Redes Sociais




Seguidores do Google

Seguidores diHITT

Total de visualizações
  • 36567Total de leituras:
  • 1Leituras de hoje:
  • 4Leituras de ontem:
  • 46Leituras da semana passada:
  • 124Leituras por mês:
  • 24083Total de visitas:
  • 1Visitas de hoje:
  • 4Visitas de ontem:
  • 45Visitas da semana passada:
  • 114Visitas por mês:
  • 6Média de visitas por dia:
  • 0Visitantes que estão online:
Nossos Parceiros
Faça parceria conosco!


Calendário
agosto 2018
S T Q Q S S D
« jun    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

dave grohl

Soundgarden – The Day I Tried To live (Live Download Festival 2012)

No dia 18 de maio deste ano o mundo da música ficou abalado com o súbito e inesperado suicídio de Chris Cornell.

Reverenciado e homenageado desde a cantora jazzista Norah Jones até bandas de heavy metal citando em destaque o Metallica, o mundo ali reconhecia que perdia o maior cantor contemporâneo do rock desde a morte de Layne Staley do Alice in Chains há 15 anos atrás.

Infelizmente, o suicídio e as drogas (em especial a heroína) matou o Grunge, que agora tem com seu único grande representante vivo o Eddie Vedder (Pearl Jam) em termos de vocalistas.

Assim como momentos históricos, a tragédia em forma de overdose ou suicídio sempre acompanhou o rock n’ roll em seus mais de 60 anos de existência.

Pensando em qual música trazer em memória de Chris Cornell, acho que essa balada dele em sua banda original é a que melhor resgata sua lembrança e voz inconfundível. Ouça o som abaixo.

Continue lendo a postagem


Foo Fighters (1995) – Full Album

Quando o Nirvana acabou, com o suicídio de Kurt Cobain ninguém esperava que dali surgiria outra grande banda de rock americana.

Um ano depois, em 1995 Dave Grohl que era baterista do Nirvana lançou o primeiro álbum do Foo Fighters.

Na época ele gravou todos os instrumentos, bateria, baixo, guitarra e violão, sua primeira amostra ao mundo do músico versátil e talentoso que é até hoje.

Destaque para os hits This is a call, I’ll stick around, Big Me, além das excelentes faixas Good Grief e X-Static.

Confira abaixo o álbum de estréia deles na integra:

Continue lendo a postagem


As cinco melhores canções do rock internacional dos anos 90

Pela temática do blog, já deu para perceber que eu sou um grande amante do rock n’ roll, mas o rock de verdade feito com atitude, poesia e talento. Apesar de ter ouvido rock pela primeira vez em 1987 aos 7 anos de idade, me cconverti para o estilo em 1991 aos 11 anos de idade com a explosão do Grunge com Nirvana e compania, ao longo desta década fui ouvindo outros gêneros do estilo como o rock alternativo, bandas hard rock como o Aerosmith e Bon Jovi e outras bandas de décadas passada, e também fui mais um que se encantou com a poesia e melodia de Legião Urbana.

Então trago para esta postagem as cinco músicas que ao meu ver são as melhores dos anos 90 não por termos técnicos a serem debatidos entre músicos, mas por serem músicas que marcaram a sua época de lançamento e que ao mesmo tempo são da fase mais aurea destas bandas que surgiram e lançaram seus primeiros trabalhos nos anos 90.

Nirvana – Territorial Pissings (1991)

Do aclamadíssimo Nevermind tido pela crítica musical como o melhor disco dos anos 90 e que foi o marco de uma geração através do grunge de Seattle, Kurt Cobain e Cia neste disco recriam a forma de tocar punk rock com muito mais peso e acordes em relação ao punk clássico dos anos 70 praticado por Sex Pistols, Ramones, Dead Kennedys e Buzzcocks. Pena que justamente o peso do sucesso e de ser o Messias de uma geração acabou levando Kurt Cobain a constantes overdoses de heroína, até que o mesmo pôs fim em sua vida e na carreira da banda suicidando – se entrando para o rol dos mitos do rock como Jimi Hendrix, Jim Morrison e tantos outros.

Continue lendo a postagem…